SEI: ‘ACHO ESSA MÚSICA UMA PÉROLA’

Assim que Laura (Marjorie Estiano) e Edgar (Thiago Fragoso) aparecem em Lado a Lado, embalados pela música “Sei”, de Nando Reis, casais apaixonados suspiram por toda a parte. A química entre os personagens ganha ainda mais tempero com a letra apaixonada da canção (reveja cena do casal ao lado e ouça a música)

“A letra é quase universal. De expressões que mostram o estado de paixão de diferentes formas. Ela trata de tudo que já vivi na vida. É curioso porque a música não tem uma estrutura típica, não tem refrão, apenas palavras que se repetem. A palavra ‘pessoa’ se repete de cabo a rabo! Todo mundo já viveu aquilo. São cacos prosaicos”, diz Nando Reis.

Orgulhoso do sucesso da música, composta em fevereiro deste ano para o álbum de mesmo nome, Nando confessa que tem um sentimento especial por ela: “Eu amo essa música. Acho ela uma pérola. Ela é especial. Quando penso no meu trabalho como um todo, falo: ‘Uau! Fui feliz'”.

O músico revela que ainda não havia incluído a música no repertório de seus shows por achar que ela deveria ser mais conhecida do público. “Esperei que tocasse, para que a apresentação tivesse um apoio”, conta. A entrada na trilha sonora de Lado a Lado foi a oportunidade de lançar a música para o grande público. “Li a trilha na internet e achei interessante essa mistura de músicas atuais. Como artista, fico feliz da música estar na novela, que é linda e delicada. A música colou e tá rolando!”, completa.

5 comentários em “SEI: ‘ACHO ESSA MÚSICA UMA PÉROLA’”

  1. Essa música é perfeita mesmo… retrata exatamente como nos sentimos quando estamos amando ^-^ SEI é a música da minha vida, vou tatuá-la em mim!! 🙂

  2. Essa música é um espetáculo! Amei desde a primeira vez que ouvi!
    Gostaria de vê-lo no oeste catarinense 🙁

  3. Essa letra traduz um quase final feliz, tão comum entre nós, mas tem um “quê” de fraternidade, de proteção (apesar de tudo), e isso é engraçado porque deveria ser um sofrimento, mas ele foi sublimado e transformado em saudade da boa, de realização, enfim. É impossível ouvi-la uma única vez. É simplesmente contagiante.
    Não esperava nada inferior vindo do nosso Ruivão. Para ficar completo, faltam os grandes cachos do cabelo e a barbona (maravilhosa), além de suas inconfundíveis botas.
    Anciosa por vê-lo aqui em Recife dia 01 de novembro.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: