Sei
01 Aug 2013 | Sei

Fã Clube Nando Reis

FORTALEZA-CE – BARRACA GUARDERIA (18/01)

FORTALEZA-CE – BARRACA GUARDERIA (18/01)

Guarderia Brasil, Praia do Futuro, dia 18 de janeiro… “Quando a gente fica em frente ao mar, a gente (realmente) se sente melhor”. Imagina com Nando tocando seus sucessos e trazendo à Fortaleza o show da nova (e lindíssima) turnê. Espadas de São Jorge ornavam o ambiente quando Nando e os Infernais subiram ao palco, tocando “Pré Sal”. O público logo mostrou que estava ligado no novo trabalho do Ruivão e acompanhou a trilogia musical.

1O set-list alternou entre os antigos sucessos e as mais recentes composições. Clássicos como “Luz dos olhos”, “Marvim”, “Por onde andei”, “N”, “Relicário”, “All Star” e “Sou dela” não poderiam faltar. As lindas músicas que foram feitas em parceria com a doce Ana Cañas, “Pra você guardei o amor” e “Luz dos Olhos”, também se fizeram presentes no repertório. Para minha surpresa, uma das minhas músicas favoritas estava no set, “Me diga”. A novidade ficou por conta da parceria com os Correios, em que o público, na entrada do show, escolhia uma das músicas que fariam parte do bis. A música escolhida foi “Não vou me adaptar”.

Impossível fazer um relato só descritivo de um show do Nando, porque cada um te toca de uma forma diferente. Só sei que esse foi especialíssimo. O romantismo presente nas novas músicas, como “Declaração de amor” e “O que eu só vejo em você”, embalou diversos casais que se faziam presente no show. Impossível, porém, conter as lágrimas quando Nando tocou “Sei”. A música mais conhecida, talvez por ser tema de novela, tem uma letra simples, mas que consegue chegar ao coração de cada apaixonado como uma das mais lindas declarações. Nem o Nando se conteve ao olhar, todo bobo, um casal que estava bem à sua frente, cantando, chorando e trocando olhares apaixonados durante a música. Foi de arrepiar!

Os Infernais também deram um show à parte, sempre bastante simpáticos e entusiasmados. Interagiam com o público, faziam brincadeiras… Nando, como de costume, estava bastante desenvolto no palco, dançando, rindo e fazendo caras e bocas.

Acho que todo artista, de uma forma ou de outra, sabe que suas obras atingem o público de maneira diferente. Uns têm seus relacionamentos embalados por músicas, outros se lembram de seus filhos, amigos, pais, etc, quando escutam determinada música. Com o Nando é exatamente assim. Cada música é única e tem significado especial na minha vida e na vida de tantas outras pessoas. “É bom olhar pra trás e admirar a vida que soubemos fazer”, ainda mais quando, nesse ontem, fui a um dos melhores shows do Nando aqui em Fortaleza (embora eu seja suspeita de falar e já ter ido a alguns shows dele por aqui.)

Obrigada ao pessoal do fã-clube pela disponibilidade e pelo espaço que nos é dado para partilhar nossas sensações. “Tão forte somos todos os infernais!”

Por: Isadora Leite

21st janeiro, 2013

Sem comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *