Sei
01 Aug 2013 | Sei

Fã Clube Nando Reis

MACEIÓ-AL – MUSIQUE MACEIÓ (15/09)

MACEIÓ-AL – MUSIQUE MACEIÓ (15/09)

Eu trocaria a eternidade por está noite…

Dia 15 de Setembro de 2012, esperei esta data por anos! Sim, fazia mais de um ano que Nando Reis não pisava em solos Alagoanos. Por que? Eu não sei.

Descobri que ia ter o ruivo aqui através de uma amiga que trabalha na casa de show, uns 50 dias antes, então eu já estava pirando 50 dias antes do show, hahahahaa, e quando eu falo pirando, é pirando literalmente!!!

Fui contanto os dias, horas, minutos, segundos …hahahahahahahaha. E o dia 15 chegou, era festa de 19 anos do Colégio Contato, só os estudantes poderiam ficar na Frontstage mas como uma boa fã de Nando, fui convidada para representar o Fã Clube Nando Reis, e assim eu estava na Frontstage, bem pertinho, coladinha no palco.

Meu coração estava mais que acelerado, a moça que nós deu a pulseirinha vip , pediu pra  a gente encontrá-la na frente do palco para ver se rolava camarim, nada certo ainda, mas eu estava tranquila.

No final da apresentação da banda Sifrão, comecei a ver lá no fundo Os Infernais: Diogo, Waltinho (amo), e o irreconhecível aos meus olhos, e gatíssimo, Cambraia! Meu coração começou a bater mais forte, sabia que depois de tantos anos meu ruivo iria subir ao palco em alguns minutinhos.

Acabou o show da primeira banda e começou arrumação no palco para receber Nando e Os Infernais. Como não tinha cortina deu pra ver toda a movimentação da galera e o coraçãozinho apertado!

Na frente do palco, como de costume, sempre rola uma confusãozinha com os fãs que querem “roubar” o MEU lugar, mas não conseguiram… Fiquei do lado direito do palco bem na frente de Cambraia e Diogo. Enfim, por volta de 01 da manhã o show começou, o ruivo estava simplesmente lindo, de boina (como eu amo ele de boina) animando a todos com “Sou dela”, “O mundo é bão Sebastião”, “Do seu lado,” “Pout porri do Bailão” e de repente ele começou a tocar, nada mais nada menos, que “No Recreio”, ali, naquele momento eu me surpreendi, antes de começar ele disse que essa a música foi gravada em 1996 e que era a única música dele que duas pessoas achavam que eram pra elas e começou a cantar. Cara, eu pirei demais! eu lá gritando loucamente com a música.  Alguns “fãs” olhavam pra mim surpresos!

Eu levei umas plaquinhas com nomes de amigos e do Fã clube, aí ele, mesmo sem enxergar direito, focou em mim e ficou olhando. Uma menina atrás de mim disse: Ele ta olhando pra você! ele seguiu com “Não vou me adaptar”, “N”,” “Luz dos Olhos”, “Relicário”,” Por onde Andei” no meios das músicas ele sempre cantarolava umas do bailão, misturando tudo. Nesse meio tempo, Alex fazendo suas estripolias, caiu no palco mas logo continuou como se nada houvesse acontecido. Por fim, “Os cegos do castelo” e o “O segundo sol”, foi onde ele surpreendeu a todos. Começou se  agachando na beirinha do palco, depois ele sentou no palco e por fim, ele desceu do palco!!!! Ficando no meio da galera. Aí, claro, ficou aquele alvoroço todo e ele subiu novamente.

Na parte do “Não tem explicação, explicação” ele falou: Que não tinha explicação o que aconteceu ali, que ele queria descer e fazer parte do show como nós fazíamos! Mas ficaram puxando e o sufocando, não tinha como ele estar ali, ele não entendia isso? “Poxa Nando, você acha mesmo que vai descer do palco no meio do show e as pessoas não vão querer ficar perto de você?”. Repetiu inúmeras vezes com a banda “Não tem explicação, explicação, não tem explicação, não tem não tem”!

Seguindo de “Frevo mulher” e “Marvin” se despediu e todos foram ficando tristes, eu como uma boa fã, sabia que ele iria voltar. Voltou, sozinho ao Palco e cantou “Pra você guardei o amor” e por fim “Bichos escrotos”.

Os Infernais se juntaram ao Nando no palco e fizeram aquele velho cumprimento de se curvar, agradecendo e despedindo-se do público.

Lindamente mais um show do ruivão em Maceió. O ruivo estava muito extrovertido, brincalhão, sensual e lindo, amo quando ele ta assim!

No final Diogo distribuiu as baquetas(eu não peguei =[)) e o Vilaça distribuiu palhetas (que eu também não peguei, haha).

No final do show, a pessoa que iria me levar ao camarim disse que Nando chegou muito em cima da hora e não recebeu ninguém. Isso não me abalou, eu fui pra trás da casa de show esperar eles saírem.  Nando Reis saiu diretamente pro carro, ninguém conseguiu foto. Eu sinceramente aquela altura, queria mais era ver os infernais.

Primeiro veio Waltinho, que me reconheceu do Facebook “Você é a Kamyla?” morri por dentro, muito atencioso tiramos fotos e batemos um papo rápido. Depois o lindo e sorridente Diogo Gameiro, aiiiii
como ele é lindo! Cambraia gatíssimo também tirou fotos.

Alex já estava subindo na Van quando eu lhe disse: “Como assim Alex, você vai me ignorar?” aí os meninos falaram: “Alex, olha a Kamyla falando, desce aí. Siiiim!” ele desceu e veio falar comigo, tirei fotinho e eles se foram…

A noite foi sensacional, e eu tenho que agradecer muito ao Fã clube Nando Reis que me convidou para representar os fãs de Nando aqui em Maceió, a Musique Maceió e a Adelaide Nogueira que nos recebeu com muito carinho.

“Tão forte somos, todos os infernais”

Por: Kamyla Amorim Amorim

22nd setembro, 2012

10 Commentários

10 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *